LOG IN ALUNOS

LOG IN PROFESSORES

ACESSO RESTRITO

Distribuição de armadilhas e programação MIC 2016

Na luta contra o Aedes Aegypti, os alunos do Colégio do Carmo, em Santos, aprenderam a fazer armadilhas de garrafa PET para combater o mosquito e irão distribuir cerca de 300 unidades aos visitantes da Mostra Interativa do Carmo (MIC), que ocorre neste sábado (16/04), das 9h às 13h.

Além de conscientizar a população sobre o tema, os alunos apresentarão diversos trabalhos durante a mostra, incluindo a promoção do mamaço, ação que estimula a doação para o banco de leite. O evento é aberto ao público e será realizado na Rua Dr. Egydio Martins, 181, na Ponta da Praia, em Santos

Um dos projetos mais esperados desta MIC é sobre o Aedes Aegypti. O combate ao mosquito que transmite dengue, chikungunya, febre amarela e zika vírus foi o tema desenvolvido pela professora de ciências do Ensino Fundamental II, Valdilene Silva de Carvalho, com os alunos do sétimo ano.

Em sala de aula, os estudantes tiveram que pesquisar, montar esculturas recicláveis e armadilhas de garrafa PET, para apresentar na MIC e disponibilizar à população. “A ideia foi pegar o conteúdo deles de sétimo ano e trabalhar o que está acontecendo no nosso país e na nossa região”, explica Valdilene.

A intenção foi iniciar a conscientização dentro de casa e incentivar as crianças e jovens a propagar informações e as soluções para o problema. “O objetivo é mostrar à comunidade escolar e passar adiante que temos que ter muito cuidado, pois são doenças perigosas”, completa a professora.

A ideia se espalhou pela escola, que se mobilizou e fez com os alunos mais armadilhas, totalizando cerca de 300 unidades para disponibilizar à população que comparecer à mostra. Para a coordenadora do Ensino Fundamental, Naira Aparecida da Mota, os alunos estão preparados para abordar o assunto e ensinar as pessoas o que aprenderam.

“Essa armadilha está erguida sob os três pilares do desenvolvimento sustentável: ambiental, econômico e social. Isto é, a medida contempla os três aspectos da sustentabilidade. Ambiental porque contribui para reequilibrar a população de mosquitos sem causar danos a outras formas de vida. Econômico porque é um método de baixo custo e social porque é uma técnica de fácil disseminação em benefício da saúde pública”, ressalta.

A MIC terá atrações como o Grand Prix Carmo (corrida de carrinho de rolimã com propulsão à extintores), direitos universais, jogo interativo sobre as gírias, projetos voltados aos esportes olímpicos, entre outros.

Confira a programação completa aqui !

Colégio do CARMO

Rua Egídio Martins, 181
Cep: 11030-902 - Santos/SP
TELEFONE: (13) 3269-5757
E-MAIL: carmo@carmo.com.br

Siga nossas redes sociais

Facebook
Twitter
YouTube
Instagram